Zorritos e encontro com a família.

Agosto de 2016

Nossa segunda passagem pelo Peru nessa viagem, começou com 25 dias no ótimo camping de um casal próximo a Zorritos. Ele suiço e ela peruana montaram um lugar muito agradável na praia, o nome Swiss Wassi.

 

Camping Swiss Wassi.

Cada dia um por do sol diferente.

Despedimos de Swiss Wassi porque tínhamos um encontro a muitos quilometros mais ao sul. Em Lima iriamos encontrar com minhas (Silvan) duas irmãs que chegariam do Brasil para passar quinze dias com a gente.

E elas chegaram

Como o tempo era curto somente 15 dias, montamos um roteiro por lugares que já conhecíamos e tinhamos certeza que elas iriam gostar. O Parque Nacional Paracas foi o primeiro.

Oasis Huacachina em Ica.

Vamos subir os Andes mais uma vez, novamente a caminho de Cusco que já conhecemos em 2013.

Como sempre a paisagem é de tirar o folego.

Ficamos no Quinta Lala Camping juntos com outros overlanders.

Cusco na língua quechua significa "umbigo do mundo", situada no vale sagrado dos Incas. Com 300 000 habitantes e a 3400m de altitude é um importante centro cultural e administrativo do império inca.

Minha irmã Zi posando com as nativas campesinas.

Chegamos a Machu Picchu, para mim a segunda vez, ainda assim a emoção e admiração por esse lugar é o mesmo. Mesmo sentimentos que elas sentiram.

O Lago Titicaca em Puno foi nosso penúltimo destino.

Ilhas flutuantes feitas de juncos dos Uros.

Nessas ilhas vivem 2000 pessoas que vivem do turismo e pesca.

Habitantes das ilhas Uros

Segunda passagem por Arequipa nessa viagem e acampamos no Las Mercedes.

Elas hospedaram no hostal para descansar dos últimos 15 dias onde rodamos 1800km em 15 dias e nos claro que em nossa casa.

Vulcão Misti, simbolo da cidade de Arequipa.

 

 

 

 

 

 

Colaboradores: