Zipaquira, Catedral de Sal e Bogotá

13 a 20/04/2016

Demos um adeus momentâneo a Villa de Leyva e fomos conhecer a catedral de Sal que fica numa mina na cidade de Zipaquira, localizada a 40 km antes de Bogotá. Voltaremos a Leyva para esperar os documentos 2016 do Popeye e da moto vindos do Brasil, usamos o endereço de nossa amiga brasileira que mora lá.

A Catedral de Sal fica numa mina subterrânea com 3 níveis, o último foi aberto para visitação onde usaram muita iluminação colorida, foram feitas esculturas na rocha, existe comércio, uma sala de projeção onde um filme nos explica como o cloreto de sódio (sal) foi depositado alí e como os antigos moradores começaram sua exploração até os dias de hoje e a abertura para visitação voltada ao turismo. São 50 mil visitantes por mês, sendo 10 mil estrangeiros e 40 mil colombianos. Já visitaram a mina mais de 13 milhões de pessoas.

Pedimos se poderíamos passar a noite dentro do estacionamento do parque da mina e gentilmente nos foi permitido.

Cidade de Zipaquira

Chegamos a Bogotá debaixo de chuva, mas além de ser uma cidade grande o transito é tranquilo e organizado. Toda a cidade é cortada pelo Transmileniio, especie de metro só que usam onibus articulados. Ficamos estacionados e morando num estacionamento perto de uma das estações do transmilenio, entao ficou fácil ir para onde queríamos.

Obras do Botero, artista colombiano famoso por suas obras com personagens gordinhos.

Imperdível é uma visita ao Museu do Ouro, uma dica todos os domingos as entradas nos museus é gratuita, adoramos essa ideia.





 

Colaboradores: