Cordilheira Branca a Huanchaco ainda no Perú

CORDILHEIRA BRANCA EM HUASCARAN A HUANCHACO NO PACÍFICO - 17/10 A 30/10/2015

 

Saímos de Paracas e rumamos ao norte do Perú, queríamos muito subir as montanhas apesar de saber que para mim seria um sofrimento devido a altitude, mas vamos lá.

Lunahuana seria nosso destino onde iríamos subir até Huancayo e rumar para a Cordilheira Branca em Huascaran.

Camping em Lunahuana Hotel e Camping los Reyes, muito bom e com água excelente.

Dia de manutenção, troca da bomba d'água da casa que estragou.

Rio Cainete que vem das montanhas e traz em seu percurso grande riqueza em agricultura para os moradores da região.

Buganvilias pelo caminho.

Parreiras de uvas para produção de vinhos e pisco.

Começamos a subir a caminho de Huancayo.

A estrada só passa um veículo por vez, quando encontramos outro no sentido contrário tem que negociar a passagem, mas sempre é bem tranquilo.

A queda é bastante feia.

Parada para almoço.

Depois de 180 km deparamos com esse túnel.

O Popeye e o Curisco passaram mas, o Camarada ficou entalado. Tivemos que voltar e a Cordilheira Branca que era nosso objetivo seria alcançada por ouitro caminho.

Passamos a noite alí proximo e voltamos para Lunahuana ao amanhecer.

Pelo caminho haviam as ruínas de Caral, declarada a cidade Inca mais antiga.

Começamos a subir novamente, nosso destino a Cordilheira Branca e o Parque Huascaran a mais de 4700 metros de altitude pra meu desespero.

Crianças de um vilarejo nas montanhas, ganharam pirulitos da Claudinha.

Entrada do Parque Huascaran, a estrada daí pra frente foi pauleira só.

Estrada radical mas maravilhosa.

Chegamos a Huaraz, ficamos no estacionamento do Hotel Huascaran por alguns dias pra relaxar.

Nosso próximo destino Huanchaco na beira do Pacífico, daria adeus a altitude pelo menos por enquanto.

Chegamos a Huanchaco onde existem as ondas perfeitas atraindo surfistas de todo o mundo. Terra também das totoras, embarcações fabricadas com uma espécie de junco que fez parte da cultura Mochica, povo que existiu por aqui bem antes dos Incas.

Ficamos no Hostal Campestre Huanchaco Gardens

Aqui comemoramos mais uma primavera da Claudinha.

Comemoramos com um delicioso arroz carreteiro feito pelo cuca Enio.

Em Trujillo cidade poróxima de Huanchaco estão as ruínas da cidade de Chan Chan, onde abrigaram mais de 50 mil habitantes da antiga civilização do Reino Chimu, que no passado foram dominados pelos incas deixando para a posteridade as ruínas de sua civilização.

 

 

 

 

 

 

Comentários  

Postado em: 2015-11-06 00:13 Postado por:Cristina Jardim moze
Fotos maravilhosas!!!
Saudades...sigam em frente com Deus nessa aventura incrível.

Beleza Tina.
Beijos
Postado em: 2015-11-04 22:49 Postado por:Cristina Jardim moze
Parabéns Silvan
Postado em: 2015-11-03 21:38 Postado por:Leo SOuza
Silvan e Cláudia!
Parabéns pelas excelentes fotos! Vou acompanhando por aqui e pelo Face!

Obrigado Leo.
Vamos juntos ao fim do mundo
Postado em: 2015-11-02 17:49 Postado por:Edna e simone
O Peru tem preservada na sua historia a importância da América do Sul, para todas as civilizações do mundo.

As fotos ficaram maravilhosas,sa udades!!

É isso aí mãe e Simone. Beijos e estamos morrendo de saudades.

Colaboradores: